email-marketing-vale

E-mail marketing, vale a pena?

Com o uso cada vez mais frequente de plataformas como o WhatsApp e Instagram para se comunicar com seus clientes, o e-mail marketing ainda vale a pena?

Essa dúvida é muito comum porque várias plataformas de comunicação já deixaram de existir, caindo no esquecimento.

É o que aconteceu com o MSN, Orkut e pensando nisso, será que ainda vale a pena incluir e-mail marketing em sua estratégia de comunicação?

O e-mail ainda é efetivo?

Sim! A grande maioria das pessoas ainda utiliza um e-mail corporativo ou até mesmo seu e-mail pessoal para fazer contatos de negócios.

Segundo pesquisa da Hubspot, 80,8% dos entrevistados leem seus e-mails em dispositivos móveis. E segundo a Pew Research 61% dos adultos utilizam e-mails todos os dias. 

Ou seja, uma grande fatia dos consumidores continua com o hábito de ler os e-mails que recebe. Só que agora ao invés de fazer isso preso a um desktop, o hábito foi transferido para a leitura via mobile.

O que revela a necessidade de adaptar o formato do seu e-mail marketing para que ele seja interessante para ser lido no celular.

Além disso, nesse período onde há uma chuva de informações, uma mensagem direta para seu cliente pode ser muito mais efetiva.

Adapte sua estratégia

A comunicação através de e-mail marketing é eficiente quando está inserida em uma estratégia. Lotar a caixa de entrada de seus clientes de e-mails não é a melhor maneira de se comunicar.

Sempre que a sua empresa tem um lançamento de produto, por exemplo, é uma boa ideia enviar um e-mail informando seus clientes.

No e-mail, utilize uma boa imagem ilustrativa de seu produto e conte um pouco a respeito dele. O ideal é usar um texto persuasivo, que faça o cliente querer conhecer o item lançado.

Ser informado que o lançamento ainda vai acontecer também é interessante, porque ajuda a gerar expectativa sobre o produto.

Mas é muito importante nesses casos, que o cliente encontre o produto nos pontos de venda quando procurar no dia do lançamento. Caso contrário, o cliente pode ficar frustrado e com isso, a marca perde vendas.

Newsletters

Que tal informar seus clientes sobre as novidades que estão acontecendo em sua empresa? Ou quem sabe, engajar seus clientes sobre determinados assuntos, novos serviços ou produtos?

Um e-mail marketing no formato de newsletter é uma das melhores maneiras de fazer isso. A prática é bem comum e seu uso é bastante estratégico no marketing de conteúdo.

Portanto, é uma boa opção para incrementar sua estratégia de divulgação de conteúdos relevantes para a sua marca. De modo que os clientes possam conhecer todas as informações que são relevantes para a empresa.

Não se prenda só ao e-mail

Muito embora a gente já saiba que o e-mail marketing continua sendo uma forma de comunicação eficiente entre sua empresa e o público, é preciso montar uma estratégia de completa. 

De modo que sua empresa tenha vários canais de comunicação com os clientes e assim, seja possível estabelecer vínculos. Ter um relacionamento com seu consumidor é um dos principais objetivos de qualquer empresa.

Tendo em vista que isso impacta positivamente nas vendas e em muitos outros fatores relevantes para o sucesso do seu negócio. Afinal, um cliente que se sente ouvido e valorizado tende a ser fidelizado com maior facilidade.

apps-quando-criar

Para que e quando devo criar um app?

Se você já tem um negócio e ainda não tem um app, saiba que ele pode ser uma solução para melhorar o funcionamento de sua empresa.

Seja aumentando as vendas, divulgando sua marca para o consumidor ou possibilitando um relacionamento mais próximo, o app é um bom investimento para sua empresa.

De modo que o cliente tenha uma boa experiência com o aplicativo e isso impacte positivamente na imagem da sua empresa. Uma vez que a boa experiência virtual aproxime o cliente de sua empresa e com isso, ocorra fidelização.

Apps solucionadores

Um app deve ofertar ao cliente uma boa experiência, tendo um uso prático e que facilite alguma atividade de seu cotidiano.

Por exemplo: um app de um shopping, que concentra informações sobre as lojas disponíveis no shopping, que oferta entrega de produtos e que oferece praticidade. Este é um app que certamente terá sucesso no mercado. 

Tendo em vista que ele se torna um facilitador no cotidiano do usuário. Possibilitando que em poucos cliques esse usuário tenha acesso a tudo que precisa.

O que justifica fazer o download do app e mantê-lo no aparelho. Portanto, o ideal é que o app seja pensado para ter a função de solucionar e facilitar as questões de seu cliente.

Tenha atenção às oportunidades de mercado

Outro aspecto muito importante é ter atenção às oportunidades que o mercado vem oferecendo. O Brasil é um país com ampla quantidade de usuários de internet e smartphones.

Com tantas pessoas conectadas, os apps que oferecem uma boa experiência tendem a ser sucesso no mercado.

Por isso, muitas empresas já nascem como um app. Visando solucionar alguma questão percebida como necessidade comum do dia a dia.

Um bom exemplo de um app que soluciona e que faz parte da rotina de muitas pessoas é o Ifood. O aplicativo de entrega de comida reúne em um só local vários restaurantes, possibilitando facilidade na hora de fazer uma refeição.

Confiável, o aplicativo se tornou um sucesso no mercado brasileiro. Porque une a facilidade de uso, com interface intuitiva ao entendimento das necessidades do mercado. Ao oferecer uma comodidade, o sucesso do app é garantido.

Escolha bons profissionais

Independentemente de qual seja o objetivo da criação de seu app, é importante escolher bons profissionais para a criação.

A Multiplica Digital possui equipe completa de profissionais para desenvolver o seu aplicativo. Sempre pensando na desburocratização desse processo e em oferecer a melhor experiência para o seu usuário.

Porque ao investir na criação de um app, além de pensar quais serão as funcionalidades é preciso se preocupar também com a usabilidade.

Ou seja, que o app seja intuitivo e fácil de usar, tendo um visual interessante e agradável para o usuário. Esse cuidado garante que o app seja mais bem aceito, uma vez que ao ser baixado a experiência de uso já começa com facilidade.

Quando a interface não é simples e moderna, a tendência é que a dificuldade de usar desmotive o usuário. E com isso, o número de usuários não sobe, fazendo com que o investimento inicial não oferte o retorno esperado.

Portanto, é muito importante que todos os aspectos que envolvam o desenvolvimento do app sejam bem elaborados. De forma que os resultados obtidos após o lançamento sejam tal qual o esperado. Para que o app faça sucesso e traga retorno desejado para a sua empresa. 

Existe um momento ideal para criar um app?

A criação do app costuma partir de uma necessidade. Em geral, o momento ideal é quando a empresa percebe essa demanda de mercado e tem possibilidade de investir.

Porque não basta apenas criar o app e lançar sem que ocorra um planejamento e divulgação do seu app. Afinal, é preciso que as pessoas saibam que ele existe para que tenham curiosidade e desejo de baixar.

Portanto, não basta apenas desenvolver seu aplicativo, o ideal é que ele esteja dentro de um contexto estratégico para o seu negócio.

Por isso, é interessante observar se de fato existe disponibilidade para tal investimento e fazê-lo com consciência e profissionalismo. De forma que o trabalho final seja excelente e com isso, traga bons resultados para o seu negócio.

Se você acha que chegou o momento de fazer esse investimento em sua empresa, entre em contato conosco!

 

site-importancia

Sua empresa tem um site? Saiba por que é importante investir em um.

Você já se questionou sobre a importância de um site para o seu negócio? Muitos empresários não perceberam ainda a importância de um site para a empresa.

Ter um site bem montado é importante para que a empresa possa ser vista por múltiplas pessoas. E com essa presença da empresa no universo digital, novas estratégias possam ser traçadas para que o digital impacte positivamente no cotidiano da empresa.

Se você quer saber por quais motivos investir em um site para o seu negócio, continue lendo para conferir!

Motivos para investir em um site para o seu negócio

Se mesmo utilizando a internet todos os dias, você ainda não está convencido de que um bom site é importante para o seu negócio, nós separamos alguns aspectos para te fazer pensar.

Com base nesses benefícios que um bom site traz para o seu negócio, é possível avaliar se existe de fato a necessidade de realizar esse investimento, confira agora!

1. Possíveis clientes encontram a empresa rapidamente

Um site bom, ou seja, que é atualizado e utilizado pela empresa é fácil de encontrar nas pesquisas online. E com isso, é possível ampliar as vendas na loja física.

Quando um cliente procura por algo referente ao seu negócio, ele encontra a sua marca ou a marca concorrente?

Caso seu negócio não tenha um bom site ou boas redes sociais corporativas, provavelmente os clientes são direcionados ao concorrente direto.

E isso certamente está causando impacto negativo nas suas vendas sem que sequer esse fato seja percebido.

2. Permite a criação de conteúdo estratégico

Quando seu próprio site está funcionando adequadamente, a página reflete exatamente as ideias da empresa. Tendo em vista que a página pode ser inteiramente personalizada.

E por isso, é possível não só usar toda a identidade visual da marca, aplicada a cada detalhe da página, como também decidir o tipo e formato de conteúdo veiculado na página.

Isso é extremamente importante para que a empresa tenha uma comunicação clara e estabeleça vínculo com seus consumidores. Aproximando-se do público-alvo e gerando vínculos com essas pessoas através da página.

Esse tipo de resultado é exatamente o que todo marketing de conteúdo visa alcançar. Tendo em vista a importância de estabelecer vínculos com o público-alvo.

Caso a empresa fique refém de usar somente redes sociais, a tendência é que exista mais dificuldade em gerar esse grau de engajamento.

O ideal é que a empresa use seu site e redes sociais dentro de uma estratégia de comunicação para conquistar engajamento dos consumidores e conseguir manter essa relação próxima com o público.

3. Um site é o melhor vendedor

Mesmo se a sua empresa não deseja fazer vendas online, o seu site é o melhor vendedor da sua imagem enquanto empresa.

Acontece que o site pode ser acessado de qualquer parte do mundo a qualquer minuto. Isso significa que é como se a empresa tivesse um divulgador atuando 24 horas por dia todos os dias do ano.

4. Custa pouco

Tanto adquirir seu espaço na web quanto manter esse espaço tende a custar muito pouco. Isso significa que a relação custo benefício é positiva para a empresa.

Se você pensar um pouco, irá perceber que o site divulga a sua empresa durante o ano inteiro. Pode ser atualizado todos os dias ou conforme desejar e que tem potencial para trazer muitos clientes.

Portanto, quando usado dentro de um contexto estratégico, o site tende a ter um custo benefício muito interessante para a empresa. Potencializando os resultados e otimizando os recursos investidos para seu funcionamento.

Layout responsivo é fundamental

Se a sua empresa já tem um site e não o atualiza, saiba que é hora de fazê-lo. Com o avanço do uso de smartphones é preciso adaptar os sites para que eles possam ser abertos em telas de celulares e tablets.

Caso contrário, toda a sua estratégia de comunicação pode ser colocada a perder. Tendo em vista que, ao tentar ter uma experiência positiva com a sua empresa, o cliente sequer consegue visualizar o seu site.

E a não abertura da página adequadamente acaba por gerar frustração no consumidor. Que na grande maioria dos casos fecha a página e procura o site concorrente.

Portanto, o ideal é que seu site seja atualizado para se tornar responsivo. De forma que todo acesso seja bem-sucedido e gere satisfação.

Se o layout não é capaz de gerar essa facilidade de acesso, a sua estratégia de comunicação pode simplesmente não dar resultado. Uma vez que o cliente não irá ter a experiência que foi planejada por sua equipe para a marca.

Agora que você já sabe a importância de ter um bom site para o seu negócio, que tal começar a investir na sua página?

Certifique-se de ter um planejamento de comunicação pensado por profissionais capacitados. Para que possa começar a usufruir de bons resultados para o seu negócio.

Aplicativos-oportunidade-negocio

Aplicativos como oportunidades de negócio.

Você sabia que seu negócio pode começar pela criação de seu app? Desenvolver um app que atende as necessidades das pessoas é uma boa forma de ganhar dinheiro atualmente.

Estamos cada vez mais conectados e tendo necessidade de uma rotina mais prática. Pensando nisso, o desenvolvimento de apps que atendam à essas necessidades é natural.

Uma forma de atender uma demanda já existente e ganhar dinheiro com isso. Usando suas ideias e percepções inovadoras sobre questões do cotidiano.

Como desenvolver um app?

Se você tem a sua ideia de negócio clara, mas ainda não a executou porque não sabe como desenvolver seu app, nós temos a solução!

Na Multiplica Digital você tem à sua disposição uma equipe de profissionais capacitados que irá criar o seu app.

Dessa forma, seu negócio pode se iniciar com todas as ferramentas necessárias para ser um sucesso total. 

O aplicativo que atende as necessidades do seu negócio

Na hora de abrir uma empresa que funcione por aplicativo, é importante pensar em cada detalhe. Não só os aspectos funcionais do app, como também o layout.

Quando o app é criado por profissionais capacitados, a tendência é que seu funcionamento seja o melhor possível.

E isso impacta diretamente na experiência que o usuário tem ao acessar o app. Quanto melhor é essa experiência de uso, maiores são as chances de que o app se popularize.

Portanto, na hora de construir esse app, é importante contar com o apoio de uma equipe qualificada. Que analise não só as necessidades de seu negócio como também as necessidades de cada usuário.

De forma que todos os envolvidos se beneficiem do uso de um app moderno e que supre necessidades.

Ao contratar uma equipe experiente para a criação de seu app, o cliente passa a não precisar se preocupar com esses aspectos técnicos. Tendo a entrega de um app funcional, com aparência profissional e livre de dores de cabeça e dificuldades com o processo de criação do app.

Os apps são tendência de mercado

Os apps se tornam cada vez mais importantes em um universo conectado como o atual. O que antes era resolvido via desktop agora é solucionado com poucos cliques na tela do celular ou até mesmo do relógio.

Com cada vez mais tecnologia no cotidiano, buscar soluções práticas se tornou natural. Por isso, as empresas que estão antenadas com as tendências de mercado migram cada dia mais para o digital.

Em especial para a criação de apps que solucionam tarefas comuns e simples do cotidiano. Um bom exemplo são os apps de entrega de comida. Centralizam em um só aplicativo vários restaurantes e ofertam praticidade para o consumidor. 

No Brasil são mais de 168 milhões de smartphones em uso segundo dados de 2016 da Fundação Getúlio Vargas (FGV). E todo esse público está disponível para usufruir de tecnologias que otimizem o seu cotidiano.

Com tantos smartphones nas mãos dos brasileiros, a tendência é que os apps continuem sendo lançados como solucionadores para que ganhem espaço e se tornem sucesso entre os consumidores.

Portanto, iniciar o seu negócio a partir de um app útil é uma grande sacada. E caso seu negócio já exista, mas não marque presença no universo digital, um app pode ser uma boa solução.

Desde que o seu aplicativo seja lançado com qualidade e boa usabilidade para seus consumidores. Certamente esse lançamento será bem-sucedido.

 

Presença Digital

Por que é importante estar presente no meio digital em período de crise.

Muitos empreendedores ainda não compreendem a importância da presença do seu negócio nas redes sociais. E por isso, acabam ficando de fora do meio digital. O que é um erro nos tempos de redes sociais. 

Afinal, é preciso estar onde seu público está. Visando gerar reconhecimento para a sua marca, angariar novos clientes e se manter competitivo.

Pensando na importância da presença do seu negócio nas redes sociais, separamos algumas informações capazes de te convencer a atualizar seu negócio e expandir sua presença digital.

 

Redes sociais corporativas: marcar presença para ser lembrado

Já ouviu o ditado popular “quem não é visto não é lembrado”? Esse princípio se aplica quando o assunto é ter presença digital.

Se todos os seus concorrentes investem na visibilidade  digital, porque o seu negócio continua sendo o único tradicional?

E mesmo que os concorrentes ainda não invistam em marketing digital, se diferenciar é preciso. Portanto, usar as mídias sociais como uma forma de ser visto e lembrado pelos clientes é fundamental.

Visando que as redes sociais te ajudem a aumentar as vendas. Além de contribuir para que você ganhe autoridade em seu segmento.

Esse ganho de autoridade é fundamental para que o seu negócio se torne líder de mercado. Porque seu cliente passa a preferir a sua empresa por ter associado a marca à credibilidade.

 

Redes sociais dão visibilidade

Quando as estratégias estão adequadas e a rede social é usada corporativamente, a empresa ganha visibilidade. Isso é muito importante dentro de uma estratégia de aquisição de novos clientes. 

Se um consumidor busca por algo em seu segmento e descobre a sua empresa, a tendência é que ele conheça seu ponto de venda.

Portanto, as redes sociais corporativas são importantes para que sua marca seja percebida e reconhecida.

 

Impacta diretamente nas vendas

Uma ação bem-sucedida online é capaz de aumentar as vendas no seu ponto físico. Uma vez que o público-alvo pode ser facilmente atingido através de uma campanha online consistente.

Portanto, não há motivo para não ter presença digital com consistência. O ideal é que seu consumidor crie uma relação com a marca através das redes sociais.

Isso gera fidelização do público a partir da aproximação que o cliente passa a ter com a marca. Portanto, é um investimento com retorno garantido.

 

Administração corporativa

Para gerar bons resultados a rede social precisa ser administrada com seriedade e profissionalismo. Afinal, o uso de redes sociais corporativas é completamente diferente do uso recreativo.

Considerando que a empresa que tem presença digital objetiva a ser alcançar uma meta com esse investimento.. Enquanto quem usa seu perfil pessoal está apenas compartilhando a própria vida de modo aleatório.

A forma de se comunicar online com o perfil empresarial também é diferente. Muito embora não seja preciso ter formalidade nessa comunicação, é preciso se portar como empresa.

Representando os valores, missão e objetivos da empresa a cada novo post. Se a rede social corporativa passa a se misturar com a pessoal, a tendência é não agradar seus clientes e público-alvo em geral.

Portanto, o ideal é que as redes sociais sejam corretamente administradas, separando completamente o pessoal do empresarial.

 

Seja consistente

Ter presença nas redes sociais significa realmente dedicar parte do seu tempo a isso. Portanto, não adianta abrir uma rede social para a empresa, porém deixar a página sem atualizações por meses.

É importante ter um cronograma de postagens, um objetivo claro e fazer campanhas publicitárias que sejam direcionadas ao objetivo.

Por isso, o ideal é que as redes sociais corporativas sejam administradas por profissionais de marketing ou publicidade.

Visando que a comunicação seja eficiente e traga retorno positivo para a imagem da empresa. Aumentando sua credibilidade e o retorno que essas redes são capazes de ofertar para sua marca.

Photo by Kate Torline on Unsplash

Estudo do Instagram em 2019 by quintly

Na última metade do ano de 2019 a Quintly, conhecida por sua ferramenta de análise de redes sociais, publicou em seu blog um estudo sobre a perfomance do Instagram nos meses de janeiro e junho de 2019. Para isso foram observados mais de 34.100 perfis e mais de 5.9 milhões de publicações.

O estudo do Instagram fornece informações detalhadas sobre o uso da plataforma. Em particular, concentra sua análise em seis tópicos diferentes:

  • Desenvolvimento de seguidores no Instagram
  • Uso de tipos de postagem: imagem, vídeo ou carrossel
  • Análise de tamanho da postagem no Instagram
  • Como as hashtags foram usadas
  • Análise de uso de hashtag
  • Comparação de dias da semana e finais de semana

Para fornecer uma melhor visão geral das descobertas e também facilitar sua aplicação em estratégias, os perfis analisados foram agrupados em seis grupos de acordo com sua quantidade de seguidores:

Distribuição de perfis por quantidade de seguidores

 

Os perfis do Instagram cresceram até 16% mais seguidores

Com um crescimento de 16% para perfis com 100 mil a 1 milhão de seguidores e 15,9% para perfis com 10 mil a 100 mil seguidores, esses dois grupos de perfis foram os mais bem-sucedidos em aumentar seu público.

Gráfico de crescimento por perfil de quantidade de seguidores

 

68,2% das postagens do Instagram são imagens únicas

As imagens ainda são o formato de postagem mais usado no Instagram, representando 68% de todas as postagens publicadas. Eles são seguidos – de forma distante – por postagens de vídeo com uma participação de 18%. Posts de carrossel trazem aparecem em terceiro com apenas 14%.

Gráfico de distribuição de tipos de postagens

 

Perfis maiores estão publicando mais vídeos

É interessante ver é que perfis maiores postaram mais vídeos. Ainda mais, quanto maior o perfil em termos de seguidores, mais vídeos ele postou. Assim, enquanto os maiores perfis tiveram uma participação de 30%, o menor grupo de perfis teve uma participação de apenas 10%.

Gráfico de tipo de postagem por perfil de quantidade de seguidores

 

As postagens em vídeo recebem interações até 49% mais altas

Dividindo os três formatos, vemos imediatamente que as postagens em vídeo recebem muito mais interações que as postagens em carrossel ou imagem. Comparando cada tipo de postagem e se obtém os seguintes resultados:

Comparação entre interação por tipo de postagem

 

67% de todas as postagens têm mais de 150 caracteres

Mais de 300 caracteres foram usados ​​em 35,8% das postagens analisadas e 30,8% de todas as legendas continham de 150 a 300 caracteres. Apenas 0,6% não usaram nenhuma descrição e apenas 6,6% usaram de 1 a 50 caracteres. Em resumo, há uma tendência visível para publicar postagens mais descritivas.

Gráfico de distribuição de comprimento de postagens

 

Postagens com 1 a 50 caracteres tendem a receber mais interações

Observando a média de perfis de interações que mais de 1 milhão de seguidores receberam, é perceptível que postagens sem legendas tendem a ter mais interações.

Pontos de maior interação por comprimento da legenda

1 milhão – 10 milhões seguidores

Gráfico de comprimento do post por média de interações: 1 milhão - 10 milhões seguidores

1 mil – 10 mil seguidores

Gráfico de comprimento do post por média de interações: 1 mil - 10 mil seguidores

 

Mais de 50% de todas as postagens não incluem emojis

Analisando o uso de emojis, descobrimos que 52,3% de todas as postagens não incluíam emojis.

Gráfico de distribuição do total de emojis usados por publicação

 

Nenhum emojis pode significar interações mais baixas

A análise mostra que, independentemente de uma conta do Instagram ser pequena ou grande, as postagens que não incluem emojis recebem as interações mais baixas.

Menores interações com zero emojis usados

0 – 1 mil seguidores

Média de interações por quantidade de emojis utilizados: 0 - 1 mil seguidores

10 mil – 100 mil seguidores

Média de interações por quantidade de emojis utilizados: 10 mil - 100 mil seguidores

 

1-3 hashtags é a quantidade mais usada em postagens

35,2% de todas as postagens continham 1-3 hashtags, o que também é a maior participação nessa análise em particular. 28,7% das postagens não incluíram hashtags e 4-10 hashtags foram usadas em 23,1% das postagens. Foram encontradas 10 ou mais hashtags em 12,9% de todos os posts analisados.

Distribuição do total de hashtags usadas por post

Gráfico de uso de hashtags por tamanho dos perfis

 

Menos hashtags, mais interações

Os perfis com o menor número de seguidores conseguiram gerar o maior número de interações ao usar mais de 10 hashtags em suas postagens. Não há uma grande diferença na quantidade de interações entre não usar hashtags, 1-3 ou 4-10.

Pontos de maior interação dos grupos de perfis por total de hashtags usadas

10 milhões+ seguidores

Média de interações por quantidade de hashtags usadas: 10 milhões+ seguidores

 

0 – 1 mil seguidores

Média de interações por quantidade de hashtags usadas: 0 - 1 mil seguidores

 

Interações mais altas nos finais de semana

Apesar de mais postagens terem sido publicadas nos dias úteis, as interações aos sábados e domingos são maiores em 27,3% em comparação com a quantidade de interações que as postagens nos dias úteis recebem.

Gráfico de média de postagens versus interações por dia

Estudos como esse são relevantes para conhecer melhor o comportamento do público e as melhores abordagens para cada tipo de perfil.

 

O estudo completo está disponível aqui.

Fonte:  quintly Blog

Capa by Kate Torline on Unsplash

T6Skrush96sn3y5FBteRqM-970-80

O iPhone de 2021 pode ser completamente sem portas. Está preparado?

A Apple está sempre procurando formas de nos vender mais uma versão do iPhone. O Último modelo o – o Iphone 11 – trouxe com ele seu sistema de câmera dupla, o chip mais rápido na história do Smartphone e uma bateria que dura o dia inteiro. Um bom conjunto, mas como será que a Apple aumentará o padrão pra seus modelos futuros?

Rumores da respeitada analista da Apple Ming-Chi Kuo, cujas notas foram revistadas pela MacRumors, sugerem que o iPhone está caminhando na direção de uma “experiência completamente sem fio” em 2021. Se você não possui um par de fones sem fio, agora é uma ótima hora de ir atrás de um.

Juntamente com a falta de uma porta para fone de ouvido – lembra da confusão que isso causou? Mas todos nos ajustamos no final – agora não vai mais haver uma porta para carregar seu novo iPhone. Kuo disse que “entre seus novos modelos 2H21 para iPhone, nós esperamos que os modelos mais avançados cancele a porta Lightning e proporcionem uma experiência completamente sem fio.”

Então, sem porta para fone de ouvido e sem porta para carregamento. O que um usuário de iPhone poderá fazer? Carregamento sem fio não é uma nova revelação, com diversas gerações de iPhones já sendo capazes de fazê-lo, mas isso sempre significou comprar um carregador sem fio, e porque você faria isso quando já pode carregar gratuitamente com um cabo?

A ausência de uma porta para carregamento também significa que você não poderá usar seus fones antigos com um adaptador. Parece que é hora de abraçar completamente a revolução wireless, porque ela está vindo, aparentemente em 2021.

Como será a próxima geração de iPhones?

We all know there will be a new iPhone in 2020, and we are all desperate to know what features the latest generation will add. Kuo suggests two and three rear cameras (dependent on model), OLED screens, support for 5G, and more interestingly, it will resemble the iPhone 4.

Todos sabemos que haverá um novo iPhone em 2020, e todos estamos desesperados para saber quais características a nova geração irá adicionar. Kuo sugere 2 ou 3 câmeras traseiras (dependendo do modelo), telas OLED, suporte para 5G e, o mais interessante, será semelhante ao iPhone 4.

Fonte: CreativeBloq

 

Aero_6.0

Adobe Aero cria experiências interativas de Realidade Aumentada

Adobe lançou seu app de realidade aumentada Aero na conferência Max 2019. O app gratuito de iOS permite aos designers construírem experiências de Realidade Aumentada sem conhecimento de código. Ao invés disso, o aplicativo utiliza-se de programas Adobe, deixando usuários importarem arquivos 3D do Dimension e camadas 2D do Photoshop e Illustrator para criar experiências interativas.

Aero é feito para ser intuitivo para designers sem experiência em design 3D, deixando usuários criarem cenas de Realidade Aumentada dentro do App com instruções passo-a-passo. O App pode também ser usado com software de terceiros como o Maya e C4D. Usuários podem colocar objetos escaláveis em cenas através de suas câmeras de telefone ou tablet, e adicionar gatilhos de animação que reagem ao toque. Artistas podem também adicionar experiências desenhando o caminho de movimento que um objeto deva trilhar.

 

Aero foi inicialmente mostrado na WWDC da Apple ano passado, onde a Adobe anunciou sua parceria com a Apple e a Pixar para criar um novo formato unificado, chamado USDZ, que funcionaria em qualquer iOS. O formato permite que usuários enviem demonstrações de seus projetos Aero para amigos através do iMessage, que automaticamente tocariam em iPhones sem que o outro usuário tenha que baixar coisa alguma.

Adobe Aero representa as ambições da empresa de mover-se em direção à Realidade Aumentada, e encorajar mais designers a criar conteúdo imersivo utilizando-se dos apps do Creative Cloud que já conhecem. Para mais detalhes, confira o anúncio da Adobe aqui.

Fonte: TheVerge